30 de jan de 2013

Saudade


Hoje dia 30 de Janeiro é comemorado o dia da saudade. Tal palavra é encontrada somente na língua portuguesa e tem sua origem do latim. Serve pra descrever a mistura de sentimentos de perda, falta, distância e amor. A saudade também pode ser dita como uma lembrança nostálgica e ao mesmo tempo suave, de pessoas ou coisas distantes ou extintas, acompanhada do desejo de tornar a vê-las ou possuí-las.
Mas lidar com ela nem sempre é fácil e hoje no dia da saudade gostaria de compartilhar um pouco sobre isso.
Ultimamente eu ando conforme o significado da palavra diz, sentindo certa nostalgia das coisas que vivi e das pessoas que convivi.
Já tive que lidar com a morte de uma amiga querida e foi difícil me acostumar com a ideia de que uma pessoa que sonhou tanto comigo não estaria presente pra ver o sonho realizado. Imagino que muitos já sentiram isso e o quanto deve ser doloroso a perda de pessoas mais íntimas como nossos pais e irmãos, é uma dor que somente os que passam sabem. Só Deus mesmo pra consolar e nos ajudar a continuar.
Sinto saudades dos animais de estimação que tive e que foram tão preciosos naquele tempo pra alegrar minha casa.
Sinto saudade da minha infância, de não me preocupar com contas e regras de trabalho, de apenas brincar.
Sinto saudade das risadas em sala de aula, das brincadeiras e das reuniões para fazer trabalhos, que na verdade se transformavam em verdadeiras festas.
Sinto saudade do primeiro amor, de quando aceitei Jesus, era tudo tão inocente, tão intenso, que hoje busco forças pra reencontrá-lo.
Sinto saudade de um tempo bom que vivi com os TOP 20 e os meus queridos pastores João Pedro e Marcos Davi, era tudo tão perfeito que hoje quando olho pra trás percebo que poderia ter aproveitado mais.
Tenho saudade de lugares, familiares distantes, cheiros e pessoas que passaram pela minha vida e tornaram o meu jardim da vida mais alegres e coloridos.
Quanta saudade!! E haja coração. Mas ao mesmo tempo o sentir saudade é uma coisa boa, pois ela nos mostra que temos vivido muita coisa em nossas vidas e que muitas delas foram importantes para nos tornarem as pessoas que somos hoje.
Suponho que quem não sente saudade é porque nunca tenha vivido coisas boas e estão de alguma forma tentando encontrar algo que realmente faça sentido, mas só Jesus pra tornar claro o que realmente é importante.
A saudade, as lembranças enfim, tudo o que vivi serve pra eu jamais me esquecer do que é realmente importante na vida: as pessoas. E sempre que posso faço questão de lembrá-las o quanto foram importantes e marcaram a história da minha vida. Já para as que já se foram ficam os aprendizados e os momentos bons que vivemos.
Em tudo dou graças Aquele que é razão do meu viver: Jesus. Pois somente um Deus tão amoroso pra criar seres a sua imagem e semelhança pra nos abençoarem aqui na terra. 
Talvez hoje seja um dia pra você lembrar a essas pessoas que passaram pela sua vida o quanto foram especiais pra você. Talvez alguém esteja precisando se sentir amado. Talvez seja necessário passar por cima do orgulho, das contendas e olhar pro que é bom. “Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?” (1 João 4:20)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário para edificação deste ministério.